Avaliação clínica é realizada em orangotango fêmea no Zoo do Beto Carrero World

1

Foi realizada no Beto Carrero World, uma avaliação clínica no orangotango fêmea do Zoo. Há cerca de vinte dias os tratadores notaram uma alteração no comportamento do animal, como dificuldade para se locomover e apatia. A orangotango precisou ser anestesiada, retirada da ilha, espaço onde vive, e ser encaminhada até a clínica veterinária do Zoo.

Prontamente, os veterinários, biólogos e tratadores iniciaram uma força tarefa para a realização dos exames. Por meio da palpação abdominal, tomada da temperatura, avaliação da dentição e ausculta do pulmão, nada de anormal foi verificado. Para investigar a fundo, uma coleta de sangue foi realizada e encaminhada para laboratório. Os resultados ficaram prontos esta semana.

2

Após a avaliação, constatou-se que a orangotango está em ótimo estado. “A fêmea está muito bem de saúde, porém um pouco acima do peso. O que teria causado o sintoma, dificultando a movimentação do animal”, avalia o médico veterinário José Daniel Fedullo. Para que as atividades da primata voltem à normalidade, os profissionais iniciaram uma alteração na dieta servida à fêmea.

Com 23 anos, a orangotango fêmea chegou ao BCW no mesmo ano do seu nascimento, em 1991, ano de inauguração do sexto melhor parque de diversões do planeta, o Beto Carrero World. Segundo os veterinários e biólogos do Parque, este animal vive cerca de 50 anos, têm hábitos solitários e é considerado o maior animal que vive em árvores. Originário da Ásia, estes primatas são ameaçados e correm risco de extinção. Os machos podem ter até 1,40m e pesar cerca de 130 quilos. A alimentação dos orangotangos é rica em frutas, folhas, cascas de árvores e insetos.

3

Informações Beto Carrero World
Telefone: (47) 3261-2222

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *